Total de visualizações de página

sexta-feira, 13 de abril de 2012

LDO 2013- LIDERANÇAS DA VILA TORRES TAMBÉM FAZEM PRESENÇA E REIVINDICAM MELHORIAS


População orienta investimentos públicos com sugestões ao orçamento

principal
  • miniatura
  • miniatura
  • miniatura
  • miniatura
  • miniatura
Praças renovadas - A presidente do Conseg da região da Matriz também defende a manutenção da qualidade das praças públicas, num trabalho em parceria entre a comunidade e o poder público. “Para o próximo dia 22 de abril marcamos um abraço à Praça Oswaldo Cruz. Também faremos isso futuramente na Praça Osório”, disse.
Malu Gomes diz que participa de todas as audiências públicas e entende que o engajamento dos cidadãos para a melhoria da cidade é necessário. “É um trabalho que tem que ser feito em parceria com os gestores. O Conseg atua próximo dos poderes públicos municipal e estadual e também de entidades de classe”, completou ela que também coordena a Câmara Setorial de Segurança da Associação Comercial do Paraná (ACP).

Nova trincheira - O presidente da Associação de Moradores da Vila das Torres, Marcos Eriberto dos Santos, destacou a nova trincheira da Chile, entregue recentemente pela Prefeitura, como um marco para a região. “A obra melhorou muito o bairro. Facilitou o ir e vir da comunidade. Deixamos de ser um gueto em Curitiba”, disse.

Marcão, como é conhecido, disse que aguarda a inauguração da Unidade de Saúde 24 horas no bairro e também a criação de mais vagas em creches. Outra questão destacada por ele foi a necessidade da implantação de novas vagas de estacionamento para motocicletas na região central. “Sou motociclista e dependo da moto para trabalhar. É importante que haja mais locais para estacionar. Vai facilitar o trabalho da gente”, observou.

Mercado Central - Maria José de Oliveira trabalha no Mercado Central da Rua da Cidadania da Matriz, na Praça Rui Barbosa. Dona do Box de número 158 no Mercado, Maria vende confecções, com destaque para lembranças de Curitiba. Acostumada com o ir e vir do centro da cidade, ela deseja que o local de comércio tenha mais visibilidade e sirva de rota obrigatória para quem circula pela região da Rui Barbosa.

“Desejo que o Mercado Central faça parte de ações integradas da Urbs, da Secretaria de Turismo e outras que atraiam mais visitantes. Quero que seja um local de trânsito de muitas pessoas”, disse ela que também destacou a relevância das audiências públicas. “Essas reuniões são importantes não apenas para a comunidade, mas para a administração da cidade como um todo”, frisou Maria José de Oliveira.
Asfalto e Academia - Na regional de Santa Felicidade, 150 pessoas compareceram à audiência de sugestões ao Orçamento 2013. Rosenilda de Paula, liderança comunitária do Jardim Santos Andrade, agradeceu à Prefeitura pelas obras feitas na região e pediu mais pavimentação. “As obras melhoraram muito a nossa regional. Agora esperamos a chegada do asfalto novo no bairro”, disse ela que vive há 39 anos no Jardim Santos Andrade.
Ivo Antonio Rodrigues, aposentado, morador do Mossunguê há 34 anos, pediu a instalação de uma academia ao ar livre, na Rua Paulo Gorski com a Parigot de Souza e a revitalização dessas duas ruas no trecho próximo à BR-277. Hoje, Curitiba conta com 76 equipamentos deste tipo espalhados por toda a cidade.
O equipamento para a prática de exercícios terá o pedido incluído entre as prioridades do bairro para o próximo ano. Mas ainda neste ano, a população que vive no bairro Santo Inácio ganhará uma nova creche. O CMEI Santo Inácio, já em obras, deverá ficar pronto no segundo semestre.

Outra solicitação da comunidade de Santa Felicidade será atendida com a construção de um Armazém da Família. O equipamento será instalado na rua Amadeu Piotto, num terreno de mil metros quadrados atrás do Cemitério do Orleans. A obra foi possibilitada a partir de uma parceria com a Arquidiocese de Curitiba.

Cada uma das audiências públicas realizadas nesta semana nas nove regionais da Prefeitura teve a participação de representantes de todas as secretarias municipais e no comando os administradores da Boa Vista, Janaína Lopes Gehr; Pinheirinho, Fernando Roberto Janz; Boqueirão, Emilio Trautwein; Cajuru, Maria Izabel (Mabel) de Paula; CIC, José Dirceu de Matos; Portão, Gilberto Bedin; Santa Felicidade, Inês Hartl; Bairro Novo, Euci Sfredo e Matriz, Luiz Hayakawa.
FONTE: Site Prefeitura ( http://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/populacao-orienta-investimentos-publicos-com-sugestoes-ao-orcamento/26387 )

Um comentário:

  1. Parabéns Marcão muito bonito o trabalho feito na comunidade..

    ResponderExcluir